Show simple item record

dc.contributor.advisorCamargo, Carlos Eduardo Ramos dept_BR
dc.contributor.authorSilva, Rafael Alvespt_BR
dc.date.accessioned2016-11-30T15:02:23Z
dc.date.available2016-11-30T15:02:23Z
dc.date.issued2014
dc.identifier1760pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/1383
dc.description.abstractA espondilolistese é definida como um deslocamento ou escorregamento de uma vertebra sobre a outra. Sua nomenclatura deriva do grego spondylos (vértebra) e olisthesis (escorregamento). É geralmente associada a uma progressão da espondilólise, que consiste em uma pequena fratura no segmento intervertebral ocorrendo mudanças na vértebra. A ocorrência da espondilolistese é maior na região da coluna lombar, em especial nos níveis L5-S1, ou seja, quinta e última vértebra lombar e primeira vértebra sacral, causando dores lombares e até mesmo em graus mais severos compressão de raízes nervosas ocasionando dores ciáticas. Sua incidência está relacionada com idade, herança genética, gênero, raça e nível de atividade, e manifesta-se com maior frequência durante a fase do crescimento, dos 8 aos 20 anos de idade, assim com atividades que exigem hiperextensão e hiperflexão da coluna lombar, bem como esportes como ginástica, futebol, lutas, levantamento de peso, remo entre outros, também aumentam o risco de espondilolise/listese. Este estudo tem por objetivo descrever 10 (dez) exercícios físicos para indivíduos portadores de espondilolistese, com base numa revisão de literatura, caracterizando-se como sendo aplicada, qualitativa, exploratória, descritiva e bibliográfica. Buscou-se material bibliográfico a partir das bases de dados SciELO, Bireme, Lilacs, Medline, Portal Capes e ScienceDirect, tendo como descritores da busca espondilolistese, estabilização segmentar, exercício, e seus sinônimos em inglês e espanhol, usadas de forma individualmente ou combinadas. A pesquisa limitou-se aos idiomas Português, Inglês e Espanhol. Constatou-se que exercícios de estabilização segmentar da região lombar e fortalecimento dos músculos do abdome são bastante recomendados em casos de sintomas da espondilolistese. Foram descritos neste trabalho exercícios adaptados de exercícios para a dor lombar, tendo em a dificuldade de se encontrar exercícios para essa patologia especificamente, ficando um caminho aberto para novos estudos nessa áreapt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofEducação Física Bacharelado - Pedra Branca
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectExercícios terapêuticospt_BR
dc.subjectColuna vertebral - Exercícios terapêuticospt_BR
dc.titleExercícios para espondilolistesept_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.isReferencedByMonografia (Curso de Educação Física).pt_BR
dc.hasPart109877_Rafael.pdfpt_BR
dc.subject.areaCiências da Saúdept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons