Show simple item record

dc.contributor.advisorScherer, Alessandra d'Avilapt_BR
dc.contributor.authorRodrigues, Josiane Terezinha de Ávilapt_BR
dc.date.accessioned2016-11-30T15:03:40Z
dc.date.available2016-11-30T15:03:40Z
dc.date.issued2009
dc.identifier613pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/1485
dc.description.abstractA presente pesquisa contempla uma temática do mundo contemporâneo, a cirurgia bariátrica, mais conhecida pelo senso comum como cirurgia de redução de estômago. Independente da técnica cirúrgica utilizada, dentre as diferentes possibilidades existentes, sabe-se que na maioria dos casos ocorre uma busca pela mudança na imagem corporal, sendo esta uma questão de fundamental importância para o paciente que se submete a esta intervenção. Com o intuito de atingir o objetivo geral que consiste em investigar a percepção de pacientes submetidas à cirurgia bariátrica acerca de sua imagem corporal, este estudo, inicialmente, procurou identificar as expectativas relacionadas à imagem corporal em pacientes submetidas à cirurgia bariátrica, assim como, descrever as emoções e sentimentos relacionados à imagem corporal dessas pacientes no pós-operatório tardio e, por fim, verificar a percepção destas pacientes sobre as possíveis mudanças ocorridas no âmbito familiar, social e profissional. Para alcançar estes objetivos, foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com cinco mulheres que se submeteram a este procedimento cirúrgico e que tinham, no mínimo um e no máximo cinco anos de realização da cirurgia. Esta pesquisa é de caráter exploratório e de natureza qualitativa. Os dados obtidos foram analisados e categorizados a partir de categorias à posteriore, relacionadas aos objetivos específicos da pesquisa. As categorias foram analisadas de acordo com seu conteúdo e relacionadas aos resultados obtidos em campo com a fundamentação teórica e a construção de argumentos da pesquisadora. Os principais resultados obtidos mostraram que a maioria das participantes perceberam que a cirurgia bariátrica exige uma considerável adaptação frente às mudanças impostas pela cirurgia, tais como,o novo padrão alimentar, a nova imagem corporal e, também os possíveis conflitos psicológicos que poderão emergir impondo ao paciente a necessidade de ajustar-se a estas modificações. Os resultados também apontam que a cirurgia bariátrica por si só, poderá perder o seu "poder" de emagrecer, pois não é uma "mágica" e sim uma técnica cirúrgica que apresenta restrições a serem seguidas para o resto da vida, necessitando de acompanhamento clínico, nutricional e psicológico continuamente.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofPsicologia - Pedra Branca
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectPsicologiapt_BR
dc.subjectImagem corporal Aspectos psicológicospt_BR
dc.subjectObesidade - Aspectos psicológicospt_BR
dc.title'Pensei que tudo iria mudar!' pacientes submetidas à cirurgia bariátrica e sua percepção acerca da imagem corporalpt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.isReferencedByMonografia (Curso de Graduação em Psicologia)pt_BR
dc.hasPart100464_Josiane.pdfpt_BR
dc.subject.areaCiências Humanaspt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons