Show simple item record

dc.contributor.advisorRocha, Luciano Daudt dapt_BR
dc.contributor.authorMeirelles, Rodrigo Belleapt_BR
dc.date.accessioned2016-11-30T15:04:32Z
dc.date.available2016-11-30T15:04:32Z
dc.date.issued2010
dc.identifier1141pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/1661
dc.description.abstractAs últimas décadas do século XIX deram início ao maior deslocamento populacional já conhecido na históriografia o qual se prolongou até duas primeiras décadas do século XX. Esse período foi caracterizado, sobretudo pelos expressivos movimentos migratórios de europeus para Américas, os quais, em geral, iam em direção do estados Unidos, Argentina e Brasil. Este trabalho descreve, em especial, os fatores de atração expulsão existentes, de forma distinta tanto no Brasil quanto na Itália. Em especial no que tange ao Estado italiano, aborda-se entre outros: os interesses do governo e das suas companhias de navegação para com a emigração. No Brasil, observa-se, dentre alguns fatores o aumento exponencial da chegada de imigrantes por meio da política de subsídio do governo brasileiro, bem como o interesse de grande parte dos fazendeiros na substituição do trabalhador escravo pelo europeu. Em suma, verifica-se nos dois lados do oceano, uma rede de negócios, cujo objetivo principal era a busca pelo lucro.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofRelações Internacionais  - Florianópolis
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectMigração - Itáliapt_BR
dc.subjectRelações internacionaispt_BR
dc.titleFluxos migratóriospt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.isReferencedByMonografia (Curso de Relações Internacionais)pt_BR
dc.hasPart105586_Rodrigo.pdfpt_BR
dc.subject.areaCiências Humanaspt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons