Show simple item record

dc.contributor.advisorSilva, João Batista dapt_BR
dc.contributor.authorBom, Bárbarapt_BR
dc.date.accessioned2016-11-30T15:04:50Z
dc.date.available2016-11-30T15:04:50Z
dc.date.issued2015
dc.identifier2005pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/1781
dc.description.abstractA presente pesquisa é caracterizada como científica e básica, a mesma pretende verificar as principais abordagens das políticas americana e brasileira ligadas à propriedade intelectual na era OMC. Para atingir o objetivo geral, esta pesquisa, por meio exploratório, irá descrever a propriedade intelectual como política de estado, identificar como a OMC trata a propriedade intelectual em âmbito internacional e ainda demonstrar as políticas americanas e brasileiras de propriedade intelectual. Com a finalidade de cumprir estes objetivos específicos, serão utilizados autores como Susan K. Sell, Peter Drahos, Frederick M. Abbott e Carolyn Deere, considerados os principais autores que relacionam a propriedade intelectual com a política, economia e história mundiais. Esta pesquisa também é considerada como bibliográfica e documental por se basear em publicações, documentos oficiais e relatórios de pesquisa. A propriedade intelectual é considerada um aspecto fundamental para a economia americana. O governo dos Estados Unidos procura meios de obter uma observância eficaz e maior proteção da propriedade intelectual internacionalmente através de diversos mecanismos. Já no Brasil, a propriedade intelectual ainda não é vista como um fator importante para o desenvolvimento do Estado. O governo brasileiro possui poucos programas efetivos sobre o assunto e seu sistema de proteção possui algumas falhaspt_BR
dc.description.abstractThis research is characterized as scientific and basic. It aims to verify the main American and Brazilian policies approaches related to intellectual property after the creation of WTO. In order to achieve its main goal, this research, through exploratory means, will describe intellectual property as a State policy, identify how WTO deals with intellectual property internationally, and demonstrate the American and Brazilian intellectual property policies. In order to accomplish these specific goals, it will be used authors such as Susan K. Sell, Peter Drahos, Frederick M. Abbott, and Carolyn Deere, who are considered the main authors that associate intellectual property with politics, economy, and history internationally. This research is also considered bibliographic and documental, because it relies on publications, official documents, and research reports. Intellectual Property is considered a fundamental aspect of American economy. The United States government seeks means to obtain effective enforcement and increase the protection on intellectual property internationally. However, in Brazil, intellectual property is still not seen as an import factor for the development of the State. The Brazilian government has few effective programs about this matter and its protection system is flawed.en
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofRelações Internacionais  - Florianópolis
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectComércio internacionalpt_BR
dc.subjectOrganizações internacionaispt_BR
dc.subjectPropriedade intelectualpt_BR
dc.titleA propriedade intelectual no contexto dos negócios internacionais :pt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.isReferencedByMonografia (Curso de Graduação em Relações Internacionais)pt_BR
dc.hasPart110952_Barbara.pdfpt_BR
dc.subject.areaCiências Humanaspt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons