Show simple item record

dc.contributor.advisorNatividade, Michelle Regina da
dc.contributor.authorCosta, Milena da
dc.coverage.spatialPalhoçapt_BR
dc.date.accessioned2017-10-09T19:24:41Z
dc.date.available2017-10-09T19:24:41Z
dc.date.issued2015
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/3076
dc.description.abstractA presente pesquisa se propôs caracterizar a percepção dos trabalhadores que tiveram câncer quanto o processo de retorno ao trabalho por meio da identificação das dificuldades e facilidades encontradas pelos trabalhadores neste processo. Participaram três trabalhadores, de ambos os sexos, com idades entre 44 e 50 anos, com contrato de trabalho regido pela CLT, que retornaram ao trabalho há no máximo cinco anos. Foi utilizada uma abordagem qualitativa, de corte transversal, delineada como estudo de caso, de caráter descritivo e com utilização de entrevista semiestruturada. Os dados foram submetidos à análise de conteúdo e organizados em dois eixos temáticos de acordo com os objetivos específicos. Para os participantes houveram dificuldades e facilidades antes e durante o afastamento e no processo de retorno ao trabalho. Os participantes apontaram como dificuldades do processo de retorno ao trabalho as limitações consequentes dos tratamentos, incompatibilidade em relação a posição do médico, postura da empresa e preocupações com o retorno. As facilidades do processo de retorno ao trabalho foram relacionadas as suas crenças religiosas, o sentimento positivo por poder retornar, a postura da empresa e o apoio da chefia e colegas de trabalho. Com base no que foi levantado, conclui-se que não é viável discutir/pesquisar sobre o processo de retorno ao trabalho sem antes compreender o processo de afastamento e o estar afastado do trabalho e das atividades laborais. E, ainda, que o processo de retorno ao trabalho ao mesmo tempo que é singular, possui características comuns entre os trabalhadores pesquisados, evidenciando a necessidade de olhar-se para o sujeito de maneira individualizada em um determinado contexto, movimento priorizado pela Psicologia Organizacional e do Trabalho.pt_BR
dc.format.extent21 f.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofPsicologia - Pedra Brancapt_BR
dc.subjectRetorno ao trabalhopt_BR
dc.subjectCâncerpt_BR
dc.subjectPsicologia organizacional e do trabalhopt_BR
dc.titleA vida após o câncer: um estudo sobre o processo de retorno ao trabalhopt_BR
dc.typeArtigo Científicopt_BR
dc.subject.areaCiências Humanaspt_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons