Show simple item record

dc.contributor.advisorRauen, Fábio José
dc.contributor.authorAndrade filho, Bazilicio Manoel de
dc.coverage.spatialTubarão SCpt_BR
dc.date.accessioned2017-10-23T16:58:37Z
dc.date.available2017-10-23T16:58:37Z
dc.date.issued2013
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/3205
dc.descriptionThis study analyzes the conversion from Natural to Mathematical Language in Mathematical problems solving, arguing that relevancy relations underlie these processes. In order to achieve such a goal, Duval’s (2009) Registers of Semiotic Representations, and Sperber and Wilson’s (1986, 1995) Relevance Theory are presented; and the descriptive and explanatory potential of relevance-theoretic approach is illustrated in solving a problem about the area of the trapezium and the volume of the prism of a gold bar. Findings indicate that the problem’s proposition in natural language and the horizontal geometrical representation of the bar lead the students to correctly understand the lexical sequence “bar’s height” as the height of a trapezium, and incorrectly understand it as the height of a prism. This result suggests that students are generalizing the HEIGHT concept as something that is vertical rather than something that is a line segment that is perpendicular to the bases and restrained by them (height of a trapezium), or a distance that forms a right angle between the two bases of a prism (height of a prism).pt_BR
dc.description.abstractNeste trabalho, analisamos processos de conversão de registros em Língua Natural para Linguagem Matemática na resolução de problemas matemáticos, argumentando que relações de relevância subjazem esse processo. Para dar conta dessa demanda, apresentamos os fundamentos da teoria dos registros de representações semióticas (DUVAL, 2009), expomos o aparato teórico da Teoria da Relevância (SPERBER; WILSON, 1986, 1995) e ilustramos o potencial descritivo e explanatório da Teoria da Relevância na análise da resolução de um problema sobre área de trapézio e volume de prisma de uma barra de ouro. Os achados apontam que a proposição do problema em língua natural e a representação geométrica deitada da barra levam a mapear a sequência lexical ‘altura da barra’ corretamente como altura do trapézio e incorretamente como altura do prisma. Esse resultado sugere que os estudantes estão mobilizando o conceito ALTURA antes como aquilo que é vertical do que um segmento de reta que é perpendicular às bases e é compreendido entre elas (altura do trapézio) ou a distância que forma um ângulo de 90° entre as duas bases de um prisma (altura do prisma).pt_BR
dc.format.extent112 f.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofPrograma de Pós-Graduação em Ciências da Linguagempt_BR
dc.subjectRegistros de representação semióticapt_BR
dc.subjectConversãopt_BR
dc.subjectTratamentopt_BR
dc.subjectRelevânciapt_BR
dc.subjectTeoria da relevânciapt_BR
dc.titleProcessos de conversão de registros em língua natural para linguagem de matemática: análise com base na teoria da relevânciapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.subject.areaLinguística, Letras e Artespt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons