Show simple item record

dc.contributor.advisorSchütz, Elinai dos Santos Freitas
dc.contributor.authorPedrosa, Alessandra
dc.coverage.spatialPalhoçapt_BR
dc.date.accessioned2017-12-01T13:18:49Z
dc.date.available2017-12-01T13:18:49Z
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/3761
dc.description.abstractO objetivo deste estudo foi conhecer o estilo de vida de idosos praticantes de exercícios físicos em academias de Florianópolis. Esta pesquisa caracterizou-se como descritiva empírica – exploratória. Participaram 22 idosos de ambos os sexos e a seleção dos sujeitos foi do tipo não probabilística intencional. Foram considerados critérios de inclusão: ter mais do que 60 anos e ser praticante de pelo menos uma modalidade oferecida pela academia. Foi utilizado o instrumento Pentáculo do Bem-Estar, que analisa através de 15 perguntas, as 5 variáveis relacionadas à estilo de vida do indivíduo: nutrição, controle do estresse, relacionamentos, atividade física e comportamento preventivo. Os idosos receberam o questionário e foram orientados a preenche-los, e no caso de dúvida consultar o pesquisador. Após a coleta, para organização dos dados, foi utilizada uma planilha eletrônica, onde os dados foram tabulados e armazenados numa base de dados. Os resultados foram analisados através da estatística descritiva, apresentados na forma de tabelas ou gráficos. A média de idade dos entrevistados foi de 67,1 ± 6,1 anos. A hidroginástica foi o exercício físico mais praticada pelos idosos. A maioria dos idosos (59,1%) sempre ingere ao menos 5 porções de frutas e verduras diariamente e 63,7% realizam atividade física semanal (no mínimo 30 minutos); 90% afirmaram ter conhecimento sobre sua pressão arterial e os níveis de colesterol e estão satisfeitos com seus relacionamentos e em cultivar seus amigos. A maioria (81,8%) respondeu que tira ao menos 5 minutos para relaxar diariamente. Conclui-se que a utilização do Pentáculo do Bem-Estar indicou que todos os cinco componentes demostraram escores positivos. Por fim, espera-se que a atuação do profissional de Educação Física possa proporcionar consciência aos idosos sobre a importância de se manter um de um estilo de vida saudável.pt_BR
dc.format.extent21 f.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofEducação Física Bacharelado - Pedra Brancapt_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectQualidade de vidapt_BR
dc.subjectIdosospt_BR
dc.subjectPentáculo do bem-estarpt_BR
dc.titleEstilo de vida de idosos praticantes de exercícios físicos em academias de Florianópolispt_BR
dc.typeArtigo Científicopt_BR
dc.subject.areaCiências da Saúdept_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil
Except where otherwise noted, this item's license is described as Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil

Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons