Show simple item record

dc.contributor.advisorReynaldo, Gilson Rocha
dc.contributor.authorBoeing, Heloise
dc.coverage.spatialTubarãopt_BR
dc.date.accessioned2017-12-14T04:24:25Z
dc.date.available2017-12-14T04:24:25Z
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/4293
dc.descriptionThe lack of contextualization is a problem that has already been observed and is very common in schools in general. And this picture intensifies even more when it comes to curricular components such as chemistry. This study, therefore, is necessary to analyze as a major issue of this study: If the learn teaching process associated with the context of the student is suitable and sufficient for the construction of significant knowledge in chemistry classes. Thus, in detecting causal problems we can come up with viable solutions to lessen or even eliminate the problem. This research has as methodological proposal an exploratory / descriptive research of qualitative approach. The sample population was composed of a group of students from a state public school, first, second and third year of high school, in the south of Santa Catarina. A semi-structured questionnaire was used, using Lickert's scale, and also with three questions in the open questionnaire, so that it can capture the opinion in a more descriptive way of the student. In front of the results obtained with the research, it concluded that the teaching and learning process, associated to the student's context is in process of being adapted to the construction of knowledge, but we can verify that there are flawed points for a contextualization of quality. Beeing necessary to use some teaching tools to complement and contextualize the classes. Clear examples are the practical classes that can be done in the classroom desk with everyday products and / or the presence of a person from the community so that the students understand where the chemistry is really in their day to day. With a greater commitment of the teachers in the preparation of the teaching plan, incorporating the contextualization in the classes, taking into account the daily life of the student will then make the content significant and contributory to the cognitive development and the increase of the motivation and the interest of the students.pt_BR
dc.description.abstractA ausência de contextualização é um problema constatado e muito comum nas escolas em geral. E esse quadro se intensifica ainda mais quando se trata de componentes curriculares como a Química. Esse estudo, portanto, analisa a questão: Se o processo de ensino aprendizagem associado ao contexto do aluno é adequado e suficiente para a construção do conhecimento significativo nas aulas de química. Pois, ao detectar os problemas causais podemos apresentar soluções viáveis para minorar ou, até mesmo, eliminar o problema. Essa investigação tem como proposta metodológica uma pesquisa exploratório/descritiva de abordagem qualitativa. A população de amostra estabelecida é constituída por uma turma de alunos de escola pública estadual, primeiro, segundo e terceiro ano, do ensino médio, do sul de Santa Catarina. Partindo de um questionário semiestruturado, elaborado com escala de Lickert, e também com três questões do questionário em aberto, de forma que possa captar a opinião de forma mais descritiva do estudante. Diante dos resultados obtidos com a pesquisa conclui-se que o processo de ensino e aprendizagem, associado ao contexto do aluno está em processo de adequação para a construção do conhecimento, porém podemos verificar que existem pontos falhos para que ocorra uma contextualização de qualidade. Sendo necessária a utilização de algumas ferramentas de ensino para a complementação e contextualização das aulas. Exemplos claros são as aulas práticas que podem ser feitas na própria mesa da sala de aula com produtos do dia a dia e/ ou a presença de uma pessoa da comunidade para que os alunos entendam onde a química está realmente no seu dia a dia. Com um maior comprometimento dos docentes na preparação do plano de ensino, incorporando a contextualização nas aulas, levando em consideração o cotidiano do aluno tornará assim o conteúdo significativo e contributivo para o desenvolvimento cognitivo e o aumento da motivação e do interesse dos alunos.pt_BR
dc.format.extent56 f.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofQuímica Licenciatura - Tubarãopt_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectContextualizaçãopt_BR
dc.subjectEnsino de químicapt_BR
dc.subjectInterdisciplinaridadept_BR
dc.titleA importância da contextualização para o ensino de química e outras componentes curriculares da educação básica, ensino médiopt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.subject.areaCiências Exatas e da Terrapt_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil
Except where otherwise noted, this item's license is described as Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil

Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons