Show simple item record

dc.contributor.advisorMartins, Marci Fileti
dc.contributor.authorGomes, Elizabete Teresinha
dc.coverage.spatialPalhoçapt_BR
dc.date.accessioned2018-01-17T17:21:01Z
dc.date.available2018-01-17T17:21:01Z
dc.date.issued2008pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/4607
dc.descriptionThis paper search the understanding about conection stabilished amog cience, tecnology and education, specifically, about the mean of the cience, refering to the production and transmission of this knowledgement in the learning virtual enviroment. – LVE. It tries to understand if this new reality changes the objective of learning and, consequentily, the teaching of the cience, in the virtual university, from the actual virtual models and the incorporation of the TICs – AE. The study also supposes to search the speaking representation that are been producted about cience in online education, based in the productions of the courses via internet, from Universdade do Sul de Santa Catarina – Unisul Virtual and in the EaD ABC course: away education, that it happened in the Second Life, simultanely to the I Permanent Congress of the Second Life in the education, at the year 2007. The discussion will be about theory and the method of discussion analysis (DA), in that the triad – cience, tecnology and education – It will be understood like constitued speech in the historicalideological space, from where emerges meanings, substanciated for the language. This duel will happen to analyse the complexity and transdisciplinary theory that values the nofragmentation and the no-isolation of the knowledgement. The constatation from this searching displays that the prodution, the reprodution, the apropriation and the circulation of knowledge in the away education (AE) are organizated for a intitution (Cientific Community and University), which is inscrited in a political-historical-social and cultural memory since a long time ago. It`s important to emphasize that political-pedagogical array comes to confront between pedagogical action based in principles that keep with destach in the auto-learning, in the interativity, in the utilization of the multiples languages, and a politcal action inspirated in the “fordist” model of AE – that it bases in the industrial organization, in the production of instructional materials and the manegement. Other relevant data to be emphasized is that the didatization of the Cience isn`t the most difficulty in the learning-understanding relation in EaD, focusing that there are many transdisciplinary practics in the reproduction of the knowledgement for part of the teacher. What it does the difference is the transmission of the knowledgement done for the teacher “picture” that is linked to the second plan, which function is almost figurative, - the subject man does, he organizes and the student submitts. Thus, the searching shows that, to side of the pratics, there are two speeches: one that as the Cientific Community as the University are institution that show themselves like representat of the wisdom and they go on in practics that keeps themselves in this status quo ad infinitum; and the other incorporated to the this conjucture, that a new EaD is possible, through from a dialogue between the process of actual and virtual learning, that the courses and the metodologysts exceed the space and the time of the classroom, characterized for the simultanity, for the juxtaposition of the far and near, which model is conectivity – the net.pt_BR
dc.description.abstractEste estudo busca compreender a conexão que se estabelece entre ciência, tecnologia e educação, especificamente, sobre as significações da ciência, no que concerne à produção e transmissão desse conhecimento nos ambientes virtuais de aprendizagem – AVAs. Busca compreender até que ponto essa nova realidade muda o enfoque da aprendizagem e, por conseguinte, o ensino da ciência/significação da ciência, na universidade virtual, partindo dos modelos presenciais de educação e da incorporação das TICs, pela EaD. Pretende investigar as representações discursivas que estão sendo produzidas sobre ciências na educação online, com base nas produções de cursos via Internet, na Universidade do Sul de Santa Catarina – UnisulVirtual e no curso ABC da EaD: a educação distância hoje, que aconteceu no metaverso Second Life, simultaneamente ao I Congresso Permanente do Second Life na Educação, no ano de 2007. A discussão vai ter como base a teoria e o método da Análise do Discurso (AD), na qual a tríade – ciência, tecnologia e educação - será entendida como discurso constituído, num espaço histórico-ideológico, de onde emergem significações, materializadas pela língua. Esse enfrentamento acontecerá sob a égide da teoria da complexidade e da transdisciplinaridade que valorizam a não-fragmentação e o nãoisolamento do conhecimento. As constatações resultantes desta pesquisa mostram que a produção, a reprodução, a apropriação e a circulação do conhecimento na educação a distância (AVAs) são organizadas por um institucional (Comunidade Científica e Universidade) que está inscrito numa memória político-histórico-social e cultural, por que há muito tem passado todo o sistema educacional. É importante ressaltar que esse arranjo político-pedagógico vem confrontando-se e delineando-se entre um fazer pedagógico baseado em princípios que se mantêm com ênfase na auto-aprendizagem, na interatividade, na utilização de múltiplas linguagens, e um fazer político inspirado no modelo fordista de EaD – que se baseia na organização industrial, na produção de materiais instrucionais e num gerenciamento escalonado. Outro dado relevante a ser destacado é que a suposta didatização da Ciência não é o obstáculo maior na relação ensino-aprendizagem em EaD, tendo em vista que há muitos ensaios e práticas transdisciplinares na reprodução do conhecimento por parte do professor conteudista. O que faz diferença mesmo é a transmissão do conhecimento feita pela figura do professor tutor que está relegada a segundo plano, na qual o seu papel é quase figurativo, – o conteudista faz, ele medeia e o aluno sujeita-se. Portanto, a pesquisa revela que ao lado dessas práticas, existem dois discursos: um de que tanto a Comunidade Científica como a Universidade são instituições que se apresentam como os baluartes da sabedoria, a tecnologia como a propulsora do progresso e, ao assim se considerarem, persistem em práticas que as mantêm nesse status quo ad infinitum; e um outro incorporado a essa conjuntura, de que uma nova EaD é possível, através de um diálogo entre o processo de aprendizagem presencial e virtual em que os cursos e as metodologias ultrapassam o espaço e o tempo da sala de aula, caracterizados pela simultaneidade, pela justaposição do perto e do distante, cujo modelo é a conectividade – a rede.pt_BR
dc.format.extent254 f.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofPrograma de Pós-Graduação em Ciências da Linguagempt_BR
dc.subjectEducação a Distânciapt_BR
dc.subjectAmbientes Virtuais de Aprendizagempt_BR
dc.subjectCiênciapt_BR
dc.subjectTecnologia e educação em redept_BR
dc.subjectAnálise de discursopt_BR
dc.titleCiência, tecnologia e educação em rede: as significações da ciência nos ambientes virtuais de aprendizagem a distância - AVASpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.subject.areaLinguística, Letras e Artespt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons