Show simple item record

dc.contributor.advisorMaliska, Maurício Eugêniopt_BR
dc.contributor.authorCardozo, Adriana de Oliveira Limaspt_BR
dc.date.accessioned2016-11-30T14:52:49Z
dc.date.available2016-11-30T14:52:49Z
dc.date.issued2014
dc.identifier1628pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/465
dc.description.abstractO presente trabalho de tese, intitulado O discurso feminista e a concepção do feminino na Psicanálise: reflexões acerca de O segundo sexo de Simone de Beauvoir, tem como objetivo investigar, pelo viés da Psicanálise e da Análise de Discurso de linha francesa, as possíveis relações do feminino psicanalítico com o discurso feminista de Simone de Beauvoir na obra O segundo sexo. Através da análise dos fragmentos textuais e das relações teóricas estabelecidas referentes à produção textual investigada, evidenciou-se através das contradições discursivas e da negação, questões referentes ao dito e ao nãodito no discurso de Beauvoir, que apontam para uma insistência do feminino presente em sua obra. Pôde-se identificar, pela investigação discursiva proposta, que é pela repetição que um discurso se materializa e que o feminismo se alicerça. Quanto ao feminino, há uma busca incessante por um significante, e as mulheres, por um lugar. Nesta lógica, a relação possível entre feminismo e feminino é pela via discursiva, que por sua ¿essência¿ é alicerçada no inconsciente e na repetição. Neste sentido, o gozo suplementar, conforme enuncia Lacan, é proposto como essencialmente feminino, e conforme discussão apresentada atravessa as mulheres, e, portanto também o seu discurso, inclusive o feminista.pt_BR
dc.description.abstractThis thesis, entitled The feminist discourse and the concept of femininity in psychoanalysis: reflections on The Second Sex by Simone de Beauvoir, aims to investigate the perspective of psychoanalysis and French Discourse Analysis, the possible relations the psychoanalytic femininity with feminist discourse of Simone de Beauvoir's work the Second Sex. Through the analysis of textual fragments and theoretical relationships established regarding the textual production investigated, showed up through the discursive and denial contradictions, questions regarding the said and the unsaid in Beauvoir's speech, pointing to an insistence of this female in his work. It was possible to identify, by discursive research proposal, which is by repeating a speech materializes and that feminism is founded. As for the female, there is a constant search for a significant, and women, for a place. In this logic, the possible relationship between feminism and female is the discursive route than by its "essence" is rooted in the unconscious and repetition. In this sense, the additional enjoyment, as Lacan states, is proposed as essentially feminine, and as discussion presented through women, and therefore also his speech, including feminist.en
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectSemióticapt_BR
dc.subjectAnálise do discursopt_BR
dc.subjectFeminismopt_BR
dc.titleO discurso feminista e a concepção de feminino na psicanálisept_BR
dc.typeTesept_BR
dc.isReferencedByTese (doutorado)pt_BR
dc.hasPart109370_Adriana.pdfpt_BR
dc.subject.areaLinguística, Letras e Artespt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons