Show simple item record

dc.contributor.advisorNahas, Luciana Faísca
dc.contributor.authorZambrota, Luciano
dc.coverage.spatialFlorianópolispt_BR
dc.date.accessioned2018-03-20T12:05:05Z
dc.date.available2018-03-20T12:05:05Z
dc.date.issued2018pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/4753
dc.descriptionFrom bibliographical research, the work examines the legal provisions of the code of Civil procedure of 2015, dealing with the consensual solution of controversies, with the purpose of making explicit the your practical operation-procedure, moment of impact and what are the means available for the peaceful settlement of disputes and traded shares or of family, in particular those involving custody of son. After consideration of relevant legislation and doctrine, it is concluded that the civil procedure legislation took an important step to address and resolve in final or the satisfaction of family disputes, in that it encourages a consensual solution built by the parties themselves, at the expense of resolution imposed by the judiciary, which tends to please only one party. So, allows the conservation of affection and respect between family members, almost always hit by legal dispute lasting antagonistic, almost never pacifies the conflict that gave rise to the dispute.pt_BR
dc.description.abstractA partir de pesquisa bibliográfica, o trabalho examina as disposições legais do Código de Processo Civil de 2015, que tratam da solução consensual das controvérsias de família, com o propósito de explicitar o seu funcionamento prático-processual, momento de incidência e quais os meios disponíveis para a resolução pacífica ou negociada das controvérsias e ações de família, em especial aquelas que envolvem a guarda de filho. Após análise da legislação e doutrina pertinente, conclui-se que a legislação processual civil deu um passo importante para enfrentar e resolver em definitivo ou a contento as controvérsias de família, na medida em que estimula uma solução consensual construída pelas próprias partes ou familiares envolvidos, em detrimento da resolução imposta pelo Poder Judiciário, que tende a agradar apenas uma das partes. Assim, permite a conservação do afeto e respeito entre os membros da família, quase sempre atingidos pela disputa judicial antagônica e duradoura, que os afasta e quase nunca pacifica o conflito que deu origem ao litígio.pt_BR
dc.format.extent16 f.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofDireito Processual Civil Contemporâneo - Florianópolispt_BR
dc.rightsAttribution-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/*
dc.subjectNovo código de processo civilpt_BR
dc.subjectSolução consensual das controvérsias de famíliapt_BR
dc.subjectConciliação e mediaçãopt_BR
dc.titleA solução consensual das ações de família que envolvem a guarda de filho no Novo Código de Processo Civilpt_BR
dc.typeArtigo Científicopt_BR
dc.subject.areaCiências Sociais Aplicadaspt_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil
Except where otherwise noted, this item's license is described as Attribution-NoDerivs 3.0 Brazil

Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons