Show simple item record

dc.contributor.advisorHuber, Ana Cristina da Silva Mendes
dc.contributor.authorCardoso, Andresa
dc.coverage.spatialTubarão, SCpt_BR
dc.date.accessioned2019-11-26T23:28:34Z
dc.date.available2019-11-26T23:28:34Z
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/8346
dc.descriptionThe National Health Promotion Policy (NHPP), of 2006, includes corporal practices and physical activity as a health promotion area. In 2008, this policy contributed to the insertion of the Physical Education Professional (PEP) in the collective health work field, through the Family Health Support Center (FHSC) teams, in which they were able to start working within the Strategy Family Health (SFH). The objective of this study was to verify if there is the insertion of the PEP in the FHSC of the municipality of Tubarão-SC. A qualitative and quantitative descriptive study was carried out in the health units of the city of Tubarão. Were interviewed the 22 responsible of health units and the inserted PEP. The interview script addressed the situation of insertion of the PEP and how to establish its work in the health units. The data were analyzed through content analysis. The results showed the low insertion of PEP in the FHSC of Tubarão, but pointed out the importance of this professional as a stimulus to improve the quality of life and well-being of the population served by primary health care, according to those responsible for the units. It is concluded that despite the low insertion of the PEP, its participation in the FHSC multiprofessional team can bring improvements to the communities included in the SFH.pt_BR
dc.description.abstractA Política Nacional de Promoção da Saúde (PNPS), de 2006, inclui as práticas corporais e atividade física como área de promoção da saúde. Tal política contribuiu, em 2008, para a inserção do Profissional de Educação Física (PEF) no campo de trabalho na saúde coletiva, através das equipes do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), no qual puderam começar a atuar dentro da Estratégia Saúde da Família (ESF). O objetivo deste estudo foi verificar se existe a inserção do PEF no NASF do município de Tubarão-SC. Foi realizado um estudo quali-quantitativo descritivo nas unidades de saúde do município de Tubarão. Foram entrevistados os 22 responsáveis das unidades de saúde e o PEF inserido. O roteiro de entrevista abordou a situação da inserção do PEF e como se estabelece seu trabalho nas unidades de saúde. Os dados obtidos foram analisados através de análise de conteúdo. Os resultados mostraram a baixa inserção do PEF no NASF de Tubarão, mas apontou a importância deste profissional como estímulo para melhorar a qualidade de vida e bem-estar da população atendida pela atenção primária em saúde, segundo os responsáveis pelas unidades. Conclui-se que apesar da baixa inserção do PEF, sua participação na equipe multiprofissional do NASF poderá trazer melhorias para as comunidades inseridas na ESF.pt_BR
dc.format.extent22 fpt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofEducação Fisica Bacharelado - Tubarãopt_BR
dc.rightsAttribution 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/3.0/br/*
dc.subjectSaúde públicapt_BR
dc.subjectSaúde coletivapt_BR
dc.subjectEducação físicapt_BR
dc.titleA inserção do profissional de educação física no Núcleo de apoio a Saúde da Família (NASF)pt_BR
dc.title.alternativeThe insertion of the physical education professional in the Family Health Support Nucleus (FHSN)pt_BR
dc.typeArtigo Científicopt_BR
dc.subject.areaCiências da Saúdept_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution 3.0 Brazil
Except where otherwise noted, this item's license is described as Attribution 3.0 Brazil

Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons