Show simple item record

dc.contributor.advisorMatos, Philipe Guedes
dc.contributor.authorSantos, Guilherme Oliveira dos
dc.coverage.spatialTubarão- SCpt_BR
dc.date.accessioned2019-12-05T00:04:15Z
dc.date.available2019-12-05T00:04:15Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/8478
dc.descriptionOverweight and obesity are defined as abnormal or excessive fat accumulation that pose a health risk. Having as main objective to evaluate the nutritional status of overweight and obesity in adolescents from a public school in Tubarão-SC based on the students' body mass index. The sample consisted of 161 students, 94 female and 67 male, aged 12 to 18 years. The main research instrument was the BMI which evaluates the student's body mass index. Nutritional status will be analyzed by BMI / age Z-score (WHO curves) according to gender.To measure weight a digital scale up to 150kg non-slip Britannia will be used, and to measure height a precision tape measure will be used of cm. The results show that 68% of students are of normal weight, 5% thinness, 19% overweight and 8% obesity. At this stage of adolescent life, being overweight can lead to socialization difficulties, as well as risk of morbidity for the main chronic diseases. The awareness of obesity for young people and adolescents is in the process of seeking personal identification and affirmation, in which the construction of self-image and self-esteem play a very important role. When comparing BMI measurements of female and male students, there is little difference in results.pt_BR
dc.description.abstractSobrepeso e obesidade são definidos como acúmulo anormal ou excessivo de gordura que apresenta risco à saúde. Tendo objetivo principal de avaliar o estado nutricional de sobrepeso e obesidade em adolescentes de uma escola da rede pública de Tubarão-SC com bases nos índices de massa corporal dos estudantes. A amostra foi composta por 161 estudantes sendo 94 do sexo feminino e 67 do sexo masculino, com idades entre 12 e 18 anos. O principal instrumento de pesquisa foi o IMC que avalia o índice de massa corporal do estudante. O estado nutricional foi ser analisado pelo escore‐Z IMC/idade (curvas da OMS), de acordo com o sexo. Para aferir o peso foi utilizado balança digital até 150kg antiderrapante Britânia, e para mensurar a altura foi utilizado uma fita métrica com precisão de cm. Os resultados apontam que 68% dos estudantes estão com o peso normal, 5% Magreza, 19% sobrepeso e 8% Obesidade. Nessa fase da vida do adolescente o excesso de peso pode determinar dificuldades de socialização, assim como risco de morbidade para as principais doenças crônicas. A conscientização da obesidade para os jovens e adolescentes dão andamento a um processo de busca de identificação e afirmação pessoal, em que a construção da autoimagem e da autoestima desempenham um papel muito importante. Quando comparado as medidas de IMC dos estudantes do sexo feminino e do masculino percebe-se pouca diferença nos resultados.pt_BR
dc.format.extent14 f.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofEducação Fisica Licenciatura - Tubarãopt_BR
dc.rightsAttribution-ShareAlike 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/br/*
dc.subjectObesidadept_BR
dc.subjectAdolescentespt_BR
dc.subjectEscolapt_BR
dc.titleExcesso de peso em adolescentes de uma escola da rede pública de Tubarão - SCpt_BR
dc.title.alternativeOverweight in teenagers of a public network of Tubarão - SCpt_BR
dc.typeArtigo Científicopt_BR
dc.subject.areaCiências da Saúdept_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution-ShareAlike 3.0 Brazil
Except where otherwise noted, this item's license is described as Attribution-ShareAlike 3.0 Brazil

Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons