Show simple item record

dc.contributor.advisorSandrini, Nádia Maria Soares
dc.contributor.authorCardoso, Simoni Jacomoliski
dc.coverage.spatialCuritiba/ PRpt_BR
dc.date.accessioned2019-12-16T12:43:03Z
dc.date.available2019-12-16T12:43:03Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/9097
dc.description.abstracto tema escolhido para o artigo foi a indisciplina escolar e, através da pesquisa, buscou-se identificar como os professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental percebem e administram possíveis situações de indisciplina em sala de aula. As análises realizadas permitiram a conceituação da indisciplina segundo referenciais teóricos, apresentando também os comportamentos que os professores consideram como indisciplina e as estratégias utilizadas pelos mesmos para lidar com esses casos. A escolha do tema teve como principal motivação o elevado número de casos de indisciplina observados atualmente, divulgados frequentemente nos meios de comunicação e a crescente queixa de professores que não conseguem desenvolver seu trabalho devido à falta de limites apresentados por certos alunos ou grupos de indivíduos. A metodologia utilizada na pesquisa é o Método Dialético, pois procura estabelecer diferentes posicionamentos acerca do tema, com o intuito de fomentar novas ideias sobre indisciplina, buscando retratar a realidade e refleti-la de maneira objetiva. A pesquisa também se definiu como exploratória, abarcando tanto o levantamento bibliográfico quanto a questionários entregues aos professores que convivem diariamente com o problema pesquisado. E, diante das diversas formas de manifestação de indisciplina, o desrespeito ao professor foi a questão central na conceituação do termo. Observa-se também que, na visão desses professores, grande parte das questões que envolvem a indisciplina estão relacionadas – direta ou indiretamente – à forma como as famílias se posicionam na educação de seus filhos. As estratégias utilizadas pelos professores e pela gestão da escola variaram bastante, tendo em vista a especificidade de cada caso, porém, a grande maioria das soluções estava direcionada à conversa entre professores, coordenação/orientação pedagógica, pais e alunos.pt_BR
dc.format.extent24 f.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofPedagogia - Unisul Virtualpt_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectIndisciplinapt_BR
dc.subjectFamíliapt_BR
dc.subjectEstratégiaspt_BR
dc.titleIndisciplina escolar: estudo de caso do cotidiano da sala de aula dos anos iniciais do ensino fundamentalpt_BR
dc.typeArtigo Científicopt_BR
dc.subject.areaCiências Humanaspt_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil
Except where otherwise noted, this item's license is described as Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil

Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons