Show simple item record

dc.contributor.advisorSchveitzer, Deisi Cristinipt_BR
dc.contributor.authorMendes, Sergio Murilopt_BR
dc.date.accessioned2016-11-30T15:00:28Z
dc.date.available2016-11-30T15:00:28Z
dc.date.issued2013
dc.identifier1494pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.riuni.unisul.br/handle/12345/971
dc.description.abstractO referido tema encontra ao longo de toda a sua investigação, inúmeros nuances, partindo da análise do instituto da propriedade privada até chegar a sua forma coletiva representada no condomínio. Têm, como meta precípua, analisar a forma da prescrição da cobrança das taxas de condomínio, obrigação propter rem oriunda da utilização e manutenção da coisa. Dividido em três partes, na primeira investiga as origens da propriedade e sua evolução ao longo dos anos até sua colisão com a as restrições impostas ao seu uso de forma indiscriminada. Na segunda, analisa a propriedade sob a ótica do condomínio, neste convergindo comunhão de direitos e deveres dos coproprietários. Na terceira e última parte, atem-se de forma mais íntima, ao estudo das relações havidas no condomínio edilício, trazendo à superfície, apontamentos acerca de sua origem, conceito, instituição e incorporação. Atingindo ao final, o cerne do objeto da pesquisa, a prescrição da cobrança das taxas condominiais. Sobre a matéria, observa-se a insurgência de dois dispositivos de lei encravados no Código Civil, puxando para si a tutela do referido instituto. Depois de consubstanciadas análises, subentende-se que o art. 205 do referido Diploma é, ainda, notadamente, o mais indicado em determinar do fim do direito de ação do condomínio edilício, uma vez que, o dispositivo em contra senso, art. 206, § 5.º, inciso I, do Código Civil, não contém em si, elementos determinantes para apontar, com a clareza que o tema exige, sobre a prescrição da cobrança das taxas de condomíniopt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.ispartofDireito - Pedra Branca
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectCondomíniospt_BR
dc.subjectCondomínios - Legislaçãopt_BR
dc.titleAferição dos artigos 205 e 206, § 5.º, inciso I, do código civil, na determinação da prescrição da cobrança das taxas condominiaispt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.isReferencedByMonografia (Curso de Direito).pt_BR
dc.hasPart108811_Sergio.pdfpt_BR
dc.subject.areaCiências Sociais Aplicadaspt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record


Mantido pela
Unisul
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons